fechar
Carreira

Desenvolva seu carisma e aumente sua influência no trabalho

Você já trabalhou com um líder muito carismático? Aquela pessoa que propõe uma tarefa que você sabe que é chata ou demorada, mas mesmo assim você se anima para fazer?
Se a sua resposta for sim, então é provável que quase todos da empresa gostavam, confiavam e admiravam esta pessoa.

As pessoas prestavam atenção em tudo o que ele dizia, os colegas apoiavam suas ideias e as pessoas queriam fazer parte da sua equipe. Em suma, todo mundo queria estar próximo dessa pessoa!

Se você quer se tornar uma pessoa assim, invista no seu carisma.

Carisma é algo que muitas pessoas acreditam ser nato. No entanto, nem sempre isso acontece. Você pode tornar-se mais carismático, e para isso, vamos explorar como você pode desenvolver o seu carisma neste artigo.

“O Carisma é a chave da conquista.” Sarah Ghil

Definindo Carisma

Carisma é uma coleção de traços e comportamentos que fazem você encantar, fascinar e persuadir alguém.

Uma pessoa carismática é excepcionalmente atraente, simpático, confiável e, em muitos casos, um pouco “mágico”.

Personalidades como Marilyn Monroe, Martin Luther King, Jr., Oprah Winfrey, e Sir Richard Branson têm sido conhecidos por suas personalidades carismáticas.
Geralmente, uma pessoa carismática é mais assertivo, confiante e inspirador.
Eles fazem questão de ouvir os outros.

Ter carisma pode ser muito importante nos negócios, mesmo que você não exerça um papel de liderança. Quando você tem carisma, as pessoas querem trabalhar com você. Eles são atraídos pelas suas ideias, confiam em sua opinião e eles são mais propensos a serem influenciados por você também.

Carisma e Poder

Carisma é uma forma de “poder de referência”, que os psicólogos sociais John French e Bertram Corvo identificaram como uma das cinco tipos de poder: legítimo, de recompensa, especialista, referência e coercitivo.

Vamos entender o que cada tipo de poder quer dizer.

Poder Legítimo: Vem da crença de que uma pessoa tem o direito formal de fazer exigências. Por exemplo, um Diretor Financeiro tem poder legítimo sobre um estagiário trabalhando para ele, pois ele está mais alto no escalão da organização.

Poder de Recompensa: Este tipo de poder vem da capacidade de recompensar / compensar outra pessoa.

Poder de especialista: É baseado na habilidade superior de uma pessoa ou de conhecimento em uma determinada área de especialização.

Poder de referência: Lida com o seu fator de simpatia e empatia. Se você acha que sair para almoçar com seus colegas de trabalho e participar de eventos patrocinados pela empresa são um desperdício de tempo, pense novamente. As relações e as obrigações que você constrói com seus colegas de trabalho podem resultar em poder real. As pessoas preferem trabalhar com pessoas que elas conhecem e gostam.

Poder coercitivo: Este tipo de poder vem da crença de que se pode punir o outro, a fim de obter algo dele. Isso geralmente é ligado ao poder legítimo.

Em resumo, poder de referência é a influência que você tem, porque os outros te respeitam.

Desenvolvendo o Carisma

O carisma nada mais é do que um conjunto de traços e comportamentos que, quando juntos, podem transformar uma personalidade. Muitas pesquisas mostram que você pode aprender e aperfeiçoar essas características.

Por exemplo, estudos têm mostrado que os líderes que estão dispostos a suportar as dificuldades são vistos como mais carismático por suas equipes, e as pessoas que têm uma perspectiva positiva são mais propensos a ter carisma.

Dica: Um equívoco comum sobre o carisma é que ela está intimamente ligada com a questão física de uma pessoa. Embora isso possa contribuir em algumas situações, lembre-se que ser atraente ou bonito não é um requisito para ser carismático.

A beleza é superficial. Suas ações e crenças importam muito mais do que a forma com que elas te veem.

É preciso tempo e esforço para desenvolver o carisma, então preste atenção a vários aspectos, como por exemplo:

Linguagem corporal: Sem dizer uma palavra, a linguagem corporal certa pode transmitir força, calor e simpatia.

Busque manter uma postura ereta, com os ombros para trás e sua cabeça para cima. Boa postura não só faz você olhar confiante e manter o controle, mas também faz com que você se sinta desta forma.

Uma pesquisa mostra que as pessoas carismáticas tendem a ser muito positiva, então, faça o seu melhor para manter uma perspectiva positiva*.

Presença é um pouco diferente da linguagem do corpo: isso tem a ver com a qualidade de sua atenção. Quando você tem presença, você dedica toda a sua atenção para a pessoa que você está e você não deixa sua mente vagar para outra coisa.

Quando alguém está falando, certifique-se de que você dedica toda a sua atenção para o que a pessoa está dizendo, e não se preocupe com o que você vai dizer em seguida. Faça o seu melhor para ficar ciente. Você pode ser surpreendido com o impacto que isso tem sobre seus relacionamentos!

Ajude os outros sentir bem

As pessoas carismáticas fazer os outros se sentirem bem. Em vez de se concentrar em seu próprio sucesso, eles gastam uma grande quantidade de tempo e energia tentando ajudar os outros.

Ao fazer isso, as pessoas ao redor deles criam um ambiente de energia positiva que outros são naturalmente atraídos para lá.

Seja humilde sobre suas realizações e faça elogios sinceros às pessoas.

Um sorriso genuíno, quando for o caso, também pode ajudar a fazer as pessoas se sentirem bem.

Nota: A sinceridade é extremamente importante no desenvolvimento de carisma. As pessoas vão notar se você está apenas “fazendo um favor” ou se são elogios sinceros.

Autoconfiança e assertividade

As pessoas carismáticas têm confiança e elas sabem como ser assertivas.
Você pode fazer isso usando seus pontos fortes no trabalho, por estabelecer e alcançar metas pequenas, e desenvolvendo os conhecimentos e habilidades que você precisa para fazer o seu trabalho de forma eficaz. Além disso, desenvolva suas habilidades de falar em público para que você possa falar claramente e com confiança na frente de um grupo.

Assertividade e auto-confiança andam lado-a-lado. Uma vez que você construa a sua autoconfiança, você pode trabalhar em assertividade, reconhecendo seus desejos e necessidades em cada situação e também reconhecendo os desejos e necessidades dos outros.

Carisma é uma coleção de traços e comportamentos que te ajudam a se relacionar com outras pessoas. As pessoas carismáticas são frequentemente bem sucedidas e as pessoas são naturalmente atraídos para eles. Eles retem os melhores talentos em suas equipes e as pessoas ouvem suas idéias.

Como o carisma é uma coleção de comportamentos, você pode aprendê-las. Trabalhe no desenvolvimento da sua empatia, autoconfiança e assertividade. Esteja ciente de que sua linguagem corporal pode dizer muito sobre o que você pensa e sente, e faça o seu melhor para dar às pessoas um sorriso genuíno.

Veja o desenvolvimento do carisma como uma jornada pessoal, você só tem a ganhar.

Se gostou do post, deixe um comentário e compartilhe com sua rede. 🙂

Tags : CarismaCarreiraLiderançaMarca PessoalPersonal Branding
Priscila Stuani

Autora Priscila Stuani

Blogueira graduada em Marketing, Pós-graduada em Neurociência aplicada à educação, atualmente estudante de Psicologia. Quero te ajudar a ressignificar o seu aprendizado através de técnicas de foco, criação de novos hábitos e autoconhecimento.